Com as palavres dos condutores e da equipa do Record Run

Peter Beck

Missão: turno noturno em Wiesbaden
Qual foi a sua tarefa principal durante o Record Run?
Conduzir os três Citaros no turno noturno em Wiesbaden. Conduzir quando era a minha vez, assegurando que não ocorressem acidentes. Apoiar o condutor ativo durante a minha fase passiva, para que este não adormecesse.
Do que é que gostou mais?
Do ambiente agradável durante a noite de Wiesbaden. A cidade parece deserta, as luzes dos edifícios históricos estão todas acesas. Percurso após percurso, através de uma cidade adormecida até que está acorde de novo. Tinha tudo para parecer um filme.
Enfrentou algum desafio específico?
O desafio específico foi de produzir resultados consistentes no que diz respeito ao consumo de combustível, hora após hora. Independentemente de estarmos cansados ou das horas já em serviço, o objetivo estava sempre em primeiro lugar.
Hermann Zehnder

Missão: linha 17 em Wiesbaden
Qual foi a sua tarefa principal durante o Record Run?
Deram-me a tarefa de instalação e preparação do veículo na fábrica da Mercedes-Benz em Mannheim. No Record Run conduzi o Citaro durante o turno diurno na linha 17 entre o dia 22 e 26 de outubro 2012.
Do que é que gostou mais?
De manhã, ao iniciarmos o percurso na paragem Wolfsfeld, uma senhora idosa abordou-me por duas vezes para saber o propósito da nossa maratona. No final da conversa, ela desejou-nos sempre uma boa viagem antes de seguir o seu caminho. Mesmo os peões e os condutores da ESWE (empresa de transporte urbano) interessaram-se muito pelo que estávamos a fazer.
Enfrentou algum desafio específico?
O desafio estava em ser particularmente cuidadosos em torno dos condutores com matrícula RÜD (habitantes da cidade Rüdesheim am Rhein). Em contraste, os motoristas locais de Wiesbaden foram muito atenciosos e simpaticos. Desafios particulares surgiram sempre durante a hora de ponta.
Jürgen Körber

Missão: linha 17 em Wiesbaden
Qual foi a sua tarefa principal durante o Record Run?
Estive envolvido na instalação e preparação do Record Run. Nesta prova tive o turno diurno, conduzi o Citaro na linha 17 entre os dias 17 e 22 de outubro 2012.
Do que é que gostou mais?
Os peões e os condutores da ESWE foram simpáticos e interessavam-se pelo projeto.
Enfrentou algum desafio específico?
Sim, conseguir chegar ao destino com o Citaro sem quaisquer danos, mesmo em dias de tráfego intenso. Além disso, houve um grande número de ramos de árvores a bloquear a estrada, o que foi um desafio adicional. Os condutores de Wiesbaden mostraram um estilo de condução preventiva, mas também havia exceções.
Matthias Schenkel

Missão: Supervisão da tecnologia de medição
Qual foi a sua tarefa principal durante o Record Run?
Eu fui responsável pelas tarefas no posto de combustível. Aqui controlava a tecnologia de medição, recolhia e guardava os dados dos veículos e realizei também uma avaliação inicial para cada veículo, após cada reabastecimento.
Do que é que gostou mais?
Eu já estava envolvido na preparação dos veículos durante a fase de preparação do Record Run. O procedimento e o suporte foram excelentes, assim como também os resultados finais.