Tipos de propulsão.

Saiba mais sobre os tipos de propulsão alternativos.

EQC 400 4MATIC: consumo de energia elétrica combinado: 25,0 - 22,3 kWh/100 km; emissões de CO2 combinadas: 0 g/km. Dados provisórios.(1)

Propulsão totalmente elétrica


Elétrico, sem cedências, com o novo EQC.

A mobilidade exclusivamente elétrica é sinónimo de ausência emissões locais, uma deslocação praticamente inaudível e um tempo de resposta surpreendente. Em suma: uma experiência de condução completamente nova.

Propulsão totalmente elétrica


Elétrico, sem cedências, com o novo EQC.

A mobilidade exclusivamente elétrica é sinónimo de ausência emissões locais, uma deslocação praticamente inaudível e um tempo de resposta surpreendente. Em suma: uma experiência de condução completamente nova.

O vídeo apresenta o funcionamento da cadeia cinemática totalmente elétrica do Mercedes-Benz EQC.
Reproduzir de novo

Propulsão totalmente elétrica


Descubra os componentes da propulsão totalmente elétrica.

Propulsão totalmente elétrica


Descubra os componentes da propulsão totalmente elétrica.

Sistema de carregamento

Graças a um sistema de carregamento inteligente, a bateria pode ser carregada utilizando todas as possibilidades de carregamento comuns. Estas incluem tomadas de rede elétrica domésticas, Wallboxes, estações de carregamento de corrente alternada (AC) e estações de carregamento rápido (DC).

O carregador de bordo está integrado no veículo e controla o carregamento através da rede elétrica. Neste processo a corrente alternada (AC) é convertida em corrente contínua (DC). Para além da possibilidade de carregar numa ligação elétrica (AC) "convencional", é também possível carregar o veículo em estações de carregamento rápido (DC).

Bateria de iões de lítio de alta tensão

A bateria de iões de lítio de alta tensão é o acumulador de energia central para a propulsão elétrica. Tanto a autonomia como o desempenho dependem diretamente das capacidades da bateria.

A bateria é carregada a partir do exterior através da rede elétrica. Além disso, a energia é recuperada através dos processos de travagem e em regime de desaceleração. De modo a proporcionar um centro de gravidade total dinamicamente  mais vantajoso, a bateria foi montada na parte inferior da carroçaria.

Motor elétrico

Um motor elétrico no eixo traseiro e outro no dianteiro convertem a energia elétrica da bateria de alta tensão em energia mecânica e oferecem uma propulsão impressionante desde a primeira rotação.

Para reduzir o consumo, a distribuição eficiente da força de tração é regulada continuamente entre o eixo traseiro e o eixo dianteiro.

Sistema de travagem regenerativa

Uma vantagem em termos de autonomia: um grande potencial para redução de consumos reside no aumento da recuperação em fases de desaceleração e travagem.

Este ocorre através da distribuição inteligente e mais eficiente dos binários de desaceleração. Quando o pedal do travão é ativado, a máquina elétrica assume a desaceleração, funcionando como um gerador. Além disso, poderá ajustar a potência da recuperação em diferentes graus através das patilhas seletoras de velocidades no volante.

EQC 400 4MATIC: consumo de energia elétrica combinado: 25,0 - 22,3 kWh/100 km; emissões de CO2 combinadas: 0 g/km. Dados provisórios.[1]

Propulsão do híbrido plug-in


EQ Power: a combinação perfeita entre motor elétrico e motor de combustão interna.

Saiba mais sobre os componentes de propulsão individuais da propulsão do híbrido plug-in e sinta-os na pele a bordo dos nossos modelos EQ Power.

Propulsão do híbrido plug-in


EQ Power: a combinação perfeita entre motor elétrico e motor de combustão interna.

Saiba mais sobre os componentes de propulsão individuais da propulsão do híbrido plug-in e sinta-os na pele a bordo dos nossos modelos EQ Power.

Mercedes-Benz EQ Power: sistema de propulsão híbrido plug-in.

Tomada do veículo

A bateria de iões de lítio de alta tensão pode ser carregada não só através de recuperação, mas também através de uma tomada do veículo no lado direito do para-choques.

Graças ao sistema de carregamento de bordo, pode carregar a bateria numa Wallbox, através de uma tomada comum ou numa estação de carregamento pública.

Bateria de iões de lítio de alta tensão

Uma bateria de iões de lítio de alta tensão montada na parte traseira do veículo permite uma condução totalmente elétrica, por exemplo, na cidade.

A bateria pode ser carregada a partir de uma fonte exterior, nomeadamente numa Wallbox, bem como durante a viagem, através da recuperação e do motor de combustão interna.

Caixa de velocidades híbrida com motor elétrico.

No módulo híbrido da caixa de velocidades automática de 9 velocidades 9G-TRONIC, de série, estão totalmente integrados o motor elétrico e uma embraiagem de desacoplamento adicional, entre o motor de combustão interna e o motor elétrico.

Motor de combustão interna

Conforme o modelo, são combinados motores a gasolina ou diesel de quatro ou seis cilindros com módulos híbridos e baterias de diferentes níveis de potência.

Se necessário, a potência do motor de combustão interna é reforçada pelo motor elétrico – para um impulso extra de potência na aceleração. O resultado são performances de condução que combinam o prazer de condução e o conforto com baixo consumo e emissões reduzidas.

Sistema de travagem regenerativa

Uma vantagem em termos de autonomia: um grande potencial para redução de consumos reside no aumento da recuperação em fases de desaceleração e travagem.

 

Este ocorre através da distribuição inteligente e mais eficiente dos binários de desaceleração. Quando o pedal do travão é ativado, o motor elétrico assume a desaceleração, funcionando como um gerador.

E 300 de (Limousine): consumo de combustível combinado: 1,6 - 1,5 l/100 km; emissões de CO₂ combinadas: 43,0 - 38,0 g/km; consumo de energia elétrica combinado: 25,2 - 22,6 kWh/100 km.(2)

EQC 400 4MATIC: consumo de energia elétrica combinado: 25,0 -  22,3kWh/100 km; emissões de CO2 combinadas: 0g/km. Dados provisórios.<p>Os dados relativos ao consumo de combustível, às emissões de CO2 e à autonomia correspondem a valores preliminares e foram determinados pelo serviço técnico. Ainda não existe uma homologação CE nem um certificado de conformidade com valores oficiais. Os dados e os valores oficiais poderão divergir entre si.</p>

E 300 de (Limousine): consumo de combustível combinado: 1,6 - 1,5 l/100km[1]; emissões de CO₂ combinadas: 43,0 - 38,0 g/km[1]; consumo de energia elétrica combinado: 25,2 - 22,6 kWh/100 km.<p>Os valores indicados foram determinados de acordo com o<br> método da medição prescrito. São os “valores de CO₂ de WLTP”, nos termos do<br> artigo 2, n.º 3, do Regulamento de Execução (EU) 2017/1153. Os números/valores<br> não se referem a um veículo individualmente e não são parte da proposta; são<br> fornecidos unicamente com o objetivo de ajudar na comparação entre diferentes<br> modelos de veículos automóveis. Estes valores variam consoante os extras<br> opcionais escolhidos.<br> </p>